silambuze quem quiser ler

la sistematizacion em pontuações
-silambuze quem quiser ler

as idéias estão pontuadas soltas, para voarem
o leitor cria seu sentido en su leitura...
(o ato de ler es tan inventivo quanto escribir)

a lei estabelece,
a vida acontece na prática cultural e subjetiva
tenta-se ligar teoria e prática, porem ni siempre acontece
ha muchas colonizações – todos los días
por veces se discutem tabus sem quebrar tabus
normas atrapalham vivências
o grupo se constrói por si próprio, não por fora
acontecem micro-faltas-de-respeito a diferenças enrustidas:
e o tal do direito de decidir de cada um?
enquanto isso, vou devolvendo meus sentimentos
com a mesma intensidade, porem por outras vias

percebendo a necessidade de equilíbrios:
entre momentos só e momentos coletivos
        momentos de estudo e de pausas
        momentos racionais e momentos espirituais
        momentos urbanos e momentos com a natureza
        momentos de turbulência e momentos de calmaria
        momentos humano e momentos animal
        vivencias tribais, místicas, e assim por diante...
conhecimento é fruto de experiência, e é só vivendo que vivimos
las experiencias mutam vivencias se não ficar solamiente na teoria
a saúde e a educação têm de ser exercidas em liberdade
há muito perigo nas receitas prontas de intelectualóides

estudo o outro pois ele me afeta e eu o afeto nas relações,
mas a minha causa é a mim mesmo
a importância que dou ao outro se constrói pelo sentimento que estabeleço em relação,
não é por uma idéia de altruísmo ou de solidariedade

os conflitos vão caminhando para possibilidades de caminos e potencialidades
alguns momentos sinto limitações, e percebo que desobedecer es essencial para tener salud
por vezes a 'não-participação' es participativa – hay diferentes modos de sentir
não há 'onde chegar', mas onde caminhar... vivenciando e escolhendo os nas passagens
cada um vive a sua paisagem, não somos iguais: todos os modos de subjetivação são lícitos
num certo momento todos queriam pular, lembrando-se que foder faz bem

eu crio minha justiça na relação – sou eu mesmo minha sentença, juiz e juri
não ha uma liberdade, mas ideias de liberdade
não ha uma espiritualidade, mas diferentes experiências espirituais
tudo é muito particular e subjetivo, cada estrela tem suas cores e movimentos
somos planetas, asteróides, estrelas, cometas e constelações em mutação constante

____________________________________________________________
são paulo, 14 de febrero de 2008 (revisado em 07.03.08)
mesclando atividades, movimentos e reflexões do curso e pós-curso do cesep