não tenha medo de ser ridículo..


texto: bruno nobru
composição visual: Cachalote